Brasil x Alemanha

“A Copa, escreve aí, pode ser responsabilizada por uma geração de tarados brasileiros com que teremos de lidar num futuro próximo. Não tenho a menor dúvida de que alguns mais pervertidos incorporarão essa derrota às suas condutas sexuais no futuro. O sado-masoquismo, esse negócio de humilhação, é algo que cresceu bastante no último século, e acredito que a pulsão sexual deve ter muita coisa a ver com essas ideias de nação, de vitória, competição – o futebol é bem ambíguo (não deveria ser, mas é). Penso em pelo menos dois ou três níveis diferentes em que a sexualidade está sendo abordada: o turismo sexual (que deve ter tido um ótimo ano); e uma certa cobiça sexual que parece estimular o culto ao físico e o desejo pelo estilo de vida que o promove (e também as mulheres que os homens podem conquistar com isso). Não quero ser moralista. Quem sou eu pra condenar qualquer coisa vinculada ao sexo, não é? Mas talvez o futebol não devesse ser tão sério. Um trauma tão grande, nessa fase da vida… Veja bem: a foto. Prazer em estupro é sadismo. O vídeo está em português, então, tendo sido feito por um brasileiro (o que é provável), também poderia trazer traços de masoquismo, não é?” – disse o Bigode.

” Não. O bom é que o David Luiz vai ter muito tempo pra se redimir. Teve time que já ganhou Copa jogando pior que esse Brasil. Copa é muita sorte de bater um esquema de jogo com outro. Isso também mostra que o futebol não é comprado, e que podemos voltar a acreditar nele.” – respondeu a Barba.

brasilalemanha

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s